segunda-feira, novembro 27, 2006

Bobagem é calar, rir é preciso

Preciso exercitar muito a tolerância. Nada mais me incomoda do que responder o óbvio. Eu não sei por que motivo eu fico de bico com perguntinhas fora do tom, do tipo, vai sair? quando alguém me vê com a chave na mão, fechando a porta e com os dois pés já na calçada.

Mas isso não é coisa de cinquentona, não! já faz tempo que sofro do abuso. Não consigo conter, por um momento, o mal humor(coisa rara na minha vida, mas que acontece), quando alguém me ver chegar e salta - oh, você chegou?

Pra mim é incompreensível o mal estar. Ainda bem que consigo emudecer a resposta. Se as pessoas ouvissem, com certeza perderia a amizade de muitos. E veja aí como sou mascarada. Não gosto e finjo não me incomodar. Entendeu por que preciso de uma ouvidoria?

Na maioria dos dias da minha nem sempre pacífica trajetória, calei seco, engolí o caroço da resposta mal-criada e me fingi de boazinha, falando exatamente o contrário do que o cérebro teimava em expor.

Por isso, mais uma vez admiro a formidável criação. Como é possível, sem fazer quase nenhum esforço, pensar algo insistentemente, e responder um outro pensar, sem deixar perceber a emoção? Aí, a dissimulação é providência divina, também. Que Deus me perdoe por mais uma bobagem escrita.

Agora, se você é do tipo que não consegue calar, precisa responder e tem dificuldades de escolher as palavras, há muitas alternativas. Uma delas é procriar frases feitas e cultivar o bom humor.

Por falta de assunto, hoje estou com prosopopéia flácida para acalentar bovinos, num colóquio sonolento para gado bovino repousar.

Mas negar oportunidade de dar boas gargalhadas ao internauta que me prestigia, não deixo mesmo e não vou sequer, considerar a possibilidade da fêmea bovina expirar fortes contrações laringo-bucais Porque rir, ajuda a deglutir o batráquio.

Para entender as últimas frases, divirta-se no sítio bem bolado.

Homenagem do Pensar para aquele que fez rir e, acredito, que desde o seu nascimento, Espanta a tristeza.




Postar um comentário

Obrigada pela visita

Espero seu retorno