sexta-feira, maio 18, 2007

Para não esquecer


Caminhamos muito para chegarmos até aqui. Como diz a marca ao lado, é preciso enfrentar o muito do equívoco - maldade mesmo - do que ainda somos e alimentamos.
Sem bandeira oportunista. Apenas ocupo-me em defesa da criança e do adolescente e também dos adultos que são abusados sexualmente.
Postar um comentário

Obrigada pela visita

Espero seu retorno