terça-feira, outubro 12, 2010

Criancice

Hoje sei que deixei a infância para longe.

Nesse esconde-esconde perdi a conta do tempo.

Quem dera gargalhar chorando como das outras vezes, que para isso bastava ganhar um bombom.
Postar um comentário

Obrigada pela visita

Espero seu retorno